Avaliação econômica da cultura do feijoeiro de inverno em Jaboticabal – SP

Autores

  • Adriano da Silva Lopes Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul
  • Luiz Carlos Pavani Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias- UNESP-Jaboticabal
  • Maria Aparecida Anselmo Tarsitano Faculdade de Engenharia de Ilha Solteira-UNESP
  • Ércio Roberto Proença Faculdade de Engenharia de Ilha Solteira-UNESP

DOI:

https://doi.org/10.15361/1984-5529.2011v39n1/2p18%20-%2024

Palavras-chave:

Phaseolus vulgaris, manejo de irrigação, plantio direto

Resumo

A avaliação econômica é uma importante ferramenta dentro do contexto agrícola, contribuindo na escolha da melhor alternativa que deva ser utilizada pelo produtor rural. O objetivo deste trabalho foi avaliar, economicamente, a cultura do feijoeiro de inverno submetido a dois métodos de manejo da irrigação (tensiometria e tanque Classe A), no primeiro ano do sistema de plantio direto, comparado com o sistema convencional de preparo do solo. Foi realizada a análise econômica, estimando os seguintes índices: receita bruta, custo operacional, lucro operacional, índice de lucratividade e produtividade de equilíbrio. Os melhores resultados econômicos foram encontrados no sistema de plantio direto quando comparado ao sistema convencional de preparo do solo; o manejo de irrigação pela tensiometria resultou em menor custo de energia elétrica quando comparado ao manejo pelo tanque Classe A.


Biografia do Autor

Luiz Carlos Pavani, Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias- UNESP-Jaboticabal

Departamento de Engenharia Rural

Maria Aparecida Anselmo Tarsitano, Faculdade de Engenharia de Ilha Solteira-UNESP

Departamento de Fitotecnia, Tecnologia de Alimentos e Sócio-Economia

Ércio Roberto Proença, Faculdade de Engenharia de Ilha Solteira-UNESP

Departamento de Fitotecnia, Tecnologia de Alimentos e Sócio-Economia

Publicado

13/12/2011

Edição

Seção

Engenharia Rural/Agrícola - Rural/Agricultural Engineering