Análise discriminante das características físicas e químicas de frutos de pupunha (Bactris gasipaes Kunth) do alto Rio Madeira, Rondônia, Brasil

Autores

  • Brainer William Cruz dos Santos
  • Fábio Medeiros Ferreira
  • Victor Ferreira de Souza
  • Charles Roland Clement
  • Rodrigo Barros Rocha Embrapa Rondônia

DOI:

https://doi.org/10.15361/1984-5529.2017v45n2p154-161

Resumo

A pupunheira (Bactris gasipaes Kunth) é uma palmácea apreciada na alimentação pelo seu palmito e pelos seus frutos, que podem ser consumidos após cozimento ou utilizados como ingrediente culinário. O objetivo deste trabalho foi caracterizar as propriedades físicas e químicas dos frutos de pupunha visando a quantificar a variabi­lidade genética e a associação dos caracteres com a classificação tradicional estabelecida pela massa dos frutos [microcarpa (10 a 20 g), mesocarpa (20 a 70 g) e macrocarpa (>70 g)]. Para isso, foram realizadas análises da composição centesimal de oitenta e três matrizes (cachos) selecionadas visualmente nos mercados da região de Porto Velho - Rondônia. A caracterização física e química dos frutos foi realizada utilizando métodos analíticos padronizados, a variabilidade das características, interpretada pela significância dos efeitos da análise de variân­cia, e sua associação interpretada utilizando análise de correlação e de componentes principais. Observou-se expressiva variabilidade das características físicas e químicas dos frutos, caracterizando-se como uma mistura de materiais de diferentes procedências. O teor de óleo apresentou coeficiente de correlação de -0,99 com o teor de carboidratos e de -0,75 com a porcentagem de polpa. Os dois primeiros componentes principais explicaram 79,2% da variação total dos dados, sendo que os caracteres físicos apresentaram os maiores pesos, indicando que a composição do mesocarpo está associada à massa do fruto. A análise discriminante de Anderson permitiu classificar os frutos a partir das características de seu mesocarpo, com uma taxa de erro aparente de 10,8%.

Publicado

07/04/2017

Edição

Seção

Fitotecnia - Crop Production