Adição de espermidina na germinação de sementes de duas forrageiras sob estresse osmótico

Autores

  • Luiz Felipe Gevenez de Souza Universidade Estadual Paulista
  • Maria Leticia Guindalini Melloni Universidade Estadual Paulista
  • Adriano Carlos Fernandes Universidade Estadual Paulista
  • Durvalina Maria Mathias dos Santos Universidade Estadual Paulista

DOI:

https://doi.org/10.15361/1984-5529.2012v40n1p47%20-%2058

Palavras-chave:

poliamina, velocidade de germinação, estresse hídrico.

Resumo

O presente trabalho teve por objetivo verificar se a aplicação exógena de espermidina (Spd) atenua os efeitos da restrição hídrica na germinação de sementes das leguminosas forrageiras alfafa cv. Crioula e labe-labe cv. Rongai. O delineamento experimental utilizado foi o inteiramente casualizado, com quatro repetições de 20 sementes. Os potenciais osmóticos de PEG 6.000 (ys), com valores de pressão em MPa, usados para simular as condições de estresse osmótico, foram: 0,0 MPa (controle); -0,2 Mpa; -0,4 Mpa, e -0,6 MPa. Para avaliar a influência da poliamina nos referidos potenciais osmó­ticos, foram preparadas soluções contendo 0,5 mM de Spd. Para o 4o e 10o dias foi avaliadas a taxa de germinação e realizado o cálculo de P50. No 10o dia, também foi avaliada a massa de matéria seca das partes vegetativas. No 30o dia, foi instalado um segundo experimento para avaliar a germinação de sementes, sendo determinados o Índice de Velocidade de Germinação (IVG), o Tempo Médio de Germinação (TM) e o Sucesso de Germinação (T50). Constatou-se que o estresse osmótico causou redução na porcentagem de germinação de ambas as forrageiras. A utilização de espermidina exó­gena atenua os efeitos da restrição hídrica no vigor das sementes de alfafa cv. Crioula. Quanto menor a quantidade de água no substrato, menor é o Índice de Velocidade de Germinação de ambas as culturas, isto é, menor é o vigor das sementes em substrato com elevado estresse osmótico. 

 

Biografia do Autor

Maria Leticia Guindalini Melloni, Universidade Estadual Paulista

Universidade Estadual Paulista / Unesp - Câmpus de Jaboticabal - SP. Departamento de Biologia Aplicada à Agropecuária - Fisiologia Vegetal

Adriano Carlos Fernandes, Universidade Estadual Paulista

Universidade Estadual Paulista / Unesp - Câmpus de Jaboticabal - SP. Departamento de Biologia Aplicada à Agropecuária - Fisiologia Vegetal

Durvalina Maria Mathias dos Santos, Universidade Estadual Paulista

Universidade Estadual Paulista / Unesp - Câmpus de Jaboticabal - SP. Departamento de Biologia Aplicada à Agropecuária - Fisiologia Vegetal

Publicado

14/06/2012

Como Citar

DE SOUZA, L. F. G.; MELLONI, M. L. G.; FERNANDES, A. C.; DOS SANTOS, D. M. M. Adição de espermidina na germinação de sementes de duas forrageiras sob estresse osmótico. Científica, Dracena, SP, v. 40, n. 1, p. 47–58, 2012. DOI: 10.15361/1984-5529.2012v40n1p47 - 58. Disponível em: https://cientifica.dracena.unesp.br/index.php/cientifica/article/view/407. Acesso em: 4 dez. 2022.

Edição

Seção

Produção e Tecnologia de Sementes - Seed Science and Technology

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)